top of page

Por que Casa é maior que Apartamento? [uma breve investigação]

Atualizado: 29 de set. de 2022

Você já comparou a área das casas com a área de apartamentos grandes?

Você já conheceu um apartamento com o tamanho bem confortável (digamos, 200 m² a 250 m²)? Quando passamos essa área para uma casa, podemos achar que essa área não é tão grande assim, não é mesmo? Você já se perguntou por que uma casa de 200 m² é uma casa, sim, confortável, mas um apartamento de 200 m² é um “senhor apartamento”?


Você já parou para pensar nisso e já se perguntou por que isso acontece?



No decorrer de vários projetos que já fizemos, especialmente para pessoas que saem de apartamentos e vão construir casas, já fizemos algumas observações sobre esse fenômeno e temos as nossas hipóteses para respondermos a esse probleminha matemático -- ou não tão matemático assim. E iremos compartilhar com você essas considerações aqui no post.


Antes de continuar sua leitura, saiba que publicamos este conteúdo em forma de vídeo:


Você pode estar se perguntando: Mas, por que é importante essa discussão a respeito de áreas? Bom, a área é um fator muito mensurável do projeto, digamos assim. Porque, diferentemente do nível de acabamento e da complexidade da estrutura, a área é um fator objetivo e calculável, embora haja muitas formas de se calcular uma área e nomenclaturas diferentes de áreas quando se fala numa construção ou num projeto de arquitetura.


A área é um valor muito importante para fazermos uma estimativa de quando a construção da casa vai custar, afinal muitos materiais e serviços da obra são cotados em metros quadrados.


Outros motivos pelos quais a área de um imóvel é importante é porque ela pode dizer o quão confortável ou o quão espaçosa, ou mesmo o quão utilizável, essa casa será. É claro que isso é subjetivo, afinal de contas, depende muito do programa da casa, de quantos ambientes essa casa terá e de quais serão esses ambientes.


Falando em cálculo de área, às vezes vemos os termos área útil, área total… O que são essas áreas e como é que calculamos essas áreas?


Áreas de apartamentos: aqui podemos ter área útil, área privativa ou área total.
  • A área útil do apartamento é a soma das áreas de todos os ambientes desse apartamento, descontando as paredes. É o que a gente pode chamar também de área de vassoura, pois é toda a área que você varre em um apartamento;

  • A área privativa do apartamento é a soma dessa área útil com o proporcional das paredes que você divide com seu vizinho somada à sua vaga de garagem;

  • A área total do apartamento é a soma dessa área privativa com um proporcional das áreas que você compartilha com todas as unidades do edifício (aqui entram circulação e área de lazer).


Áreas de casas: aqui geralmente temos a área útil e a área total.
  • A área útil da casa é como a área útil do apartamento. A área útil da casa é a soma das áreas de todos os ambientes dessa casa, descontando as paredes e, claro, elementos que ficam fora dos limites das paredes externas;

  • A área total da casa é a área coberta propriamente dita, que soma a área dos ambientes com a área das paredes e a área dos beirais e demais elementos de cobertura, contando tudo o que é coberto. A depender do caso, contamos ou não a área da piscina nessa área total.


Saber a diferença entre essas áreas é muito importante na hora em que você for construir ou comprar um imóvel, seja ele casa ou apartamento. Muitas vezes, vemos nos sites de vendas de imóveis os apartamentos sendo anunciados com base na área útil e as casas sendo anunciadas com base na área total. Comparar as áreas úteis dos apartamentos com as áreas totais das casas pode ser bastante desleal. Isso não é uma reclamação, apenas queremos mostrar parâmetros que deixam essa comparação mais leal.


Olhando para esses anúncios, sem entender essas diferenças de cálculos de áreas, pode parecer que as casas são muito menos eficientes em termos de aproveitamento de área do que os apartamentos. Será que as incorporadoras de edifícios têm um método absurdamente mais eficiente de se projetar? E é aí que entraremos agora nas diferenças entre casas e apartamentos que podem explicar por que as áreas são tão diferentes entre si. Assim, estaremos comparando banana com banana e maçã com maçã.


As plantas dos edifícios são mesmo mais eficientes


No projeto de um prédio, conseguimos encaixar mais unidades, fazendo unidades mais recortadas em uma mesma geometria, o que torna as plantas de um edifício de fato mais eficientes. No projeto de uma casa, é mais complicado fazer tantos recortes. Porque, se desenhamos uma casa muito recortada, a estrutura pode ficar muito complexa, com lajes muito recortadas e uma estrutura que se alinha muito pouco. Uma estrutura muito pouco racional torna a construção mais difícil e, portanto, mais cara.


Em algumas situações, é preferível aumentarmos a área para garantirmos uma estrutura mais racional e mais simples de ser executada. Do outro lado, se optarmos por uma estrutura muito racional, a área pode ficar muito grande, pois não pode ser muito recortada. Deve haver esse equilíbrio.


As paredes e a estrutura dos apartamentos são compartilhadas


O compartilhamento de paredes e estrutura entre os apartamentos faz com que as áreas das paredes externas não sejam totalmente contabilizadas na conta da área. Já na casa, a não ser que ela seja geminada, as áreas das paredes e da estrutura entram na soma da área.


Além disso, a estrutura de um prédio também consegue ser mais eficiente. Até porque conseguimos de forma mais fácil, via de regra, fazer com que as paredes e a estrutura do andar de baixo coincida com o andar de cima e assim sucessivamente, afinal os ambientes se repetem entre um pavimento e o outro.


Essa é uma das maiores dificuldades quando se trata de projetar uma casa de dois ou mais pavimentos. Para manter a estrutura mais simples e racional, precisamos fazer com que as plantas dos pavimentos se encaixem, na medida do possível, é claro. Acontece que os ambientes da parte de cima da casa são totalmente diferentes dos ambientes do térreo. Esse tipo de adaptação pode aumentar a área.


A garagem dos edifícios é mais eficiente


Além desses fatores, as pessoas quase sempre se esquecem de que, em um edifício, duas vagas geralmente podem ocupar 25 metros quadrados. No edifício, nós circulamos nas vias do estacionamento, não apenas dentro da nossa vaga.


Já na casa, se formos colocar duas vagas com 25 metros quadrados com paredes entre elas, ninguém abre a porta do carro. Precisamos de mais área para podermos abrir as portas e circular em volta do carro quando se trata de uma casa.


Apartamentos nos fazem mais tolerantes a ambientes menores


Esse é um ponto mais subjetivo, que viemos observando ao longo dos nossos projetos. Parece que as pessoas que moram em apartamentos são mais tolerantes a tamanhos menores dos ambientes. Talvez seja assim porque os apartamentos ficam em grandes centros urbanos, o que já torna o metro quadrado em si mais caro. Então, essas pessoas já aceitam que os apartamentos serão menores do que as casas.


Quando falamos em apartamentos, encontramos as pessoas muito mais dispostas a gastar com a funcionalidade da marcenaria, como por exemplo a tornar um quarto mais funcional através da marcenaria. Mas quando se trata de moradores de casas, as pessoas geralmente querem que o tamanho em si seja um fator muito importante para determinar o conforto desses ambientes.


Inclusive, muitas vezes esse fenômeno é um desafio para nós. Quando estamos trabalhando com clientes que moram em grandes centros urbanos e eles veem a possibilidade de ter mais espaço -- espaço, espaço, espaço…-- temos de trabalhar para conter as áreas e não torná-las gigantescas, subutilizadas ou muito dispendiosas.


Nosso cliente está construindo a casa dos sonhos dele


Também baseados nesses nossos clientes, que estão construindo a sua casa dos sonhos, falaremos de alguns fatores que aumentam a área dessas casas. Como se trata de uma casa dos sonhos, o cliente quer alguma proteção para chuva, quer aproveitar as vistas, quer uma adega ou outro ambiente diferenciado. Tudo isso influencia na área final da casa.


Além desses pedidos mais funcionais, fatores estéticos influenciam muito na área da casa. Falamos isso porque, muitas vezes, um volume interessante requer um beiral, uma marquise, um avanço ou um recuo na fachada. Embora alguns desses elementos não sejam área útil, eles entram na conta da área total da casa.


Aqui vale abrir um parênteses. Como é difícil prever qual vai ser a área final da casa, quando falamos em alto padrão e arquitetura personalizada, nós não fazemos o orçamento do nosso projeto por metro quadrado.

autoral

Nosso cliente está realizando uma mudança de vida


Muitas vezes, esse nosso cliente também está fazendo uma grande mudança de vida, porque ele está saindo dos grandes centros urbanos e indo para regiões mais afastadas. Isso significa que ele talvez precise de uma despensa para armazenar as compras que durarão o mês todo, para ele não ter de ficar saindo todo dia de casa percorrendo longas distâncias. Ele também pode estar pensando em aumentar a família, o que requer mais vagas na garagem e uma garagem mais confortável para você poder tirar um carrinho de bebê tranquilo do porta-malas do carro.


Quando você mora mais afastado dos grandes centros, muitas vezes você também conta com a possibilidade de trabalhar em home office. Isso implica a gente acrescentar um escritório nessa casa.


Nosso cliente também quase sempre fala "gostaríamos de receber mais pessoas na nossa casa.”. Isso acarreta uma área de lazer, salas e cozinhas maiores, para que ele possa receber todas as pessoas que ele não tem condição de receber no apartamento hoje.


Esse cliente também quer privacidade. Então, às vezes, fazemos um quarto longe do outro, uma área maior no quarto para que se possa realizar várias atividades naquele mesmo quarto, etc.


Nessa mudança de vida, também é comum que o cliente anseie por um contato maior com a natureza. Isso requer algumas varandas ou alguns beirais para que ele possa sair de casa e continuar protegido das intempéries. Esse contato maior com a natureza também pode incluir elementos construtivos no jardim, como pergolado, gazebo ou até um canil.

autoral

A área de lazer em condomínios é compartilhada


Voltando aqui para os fatores mais objetivos e mais generalizados, temos a área de lazer. Muitas vezes, quando você mora em um apartamento, você compartilha a área de lazer -- área gourmet, salão de festas, piscina -- com as outras unidades. Quando você vai para uma casa, a não ser que ela também seja em condomínio, você acaba tendo de criar a sua própria estrutura de lazer.

autoral

A casa requer mais manutenção


Uma casa requer muita manutenção. Então, numa casa, você precisa de espaço para armazenar objetos como enxada, pá ou cortador de grama. Imagine só os nossos clientes que têm terrenos de 2 mil metros quadrados! É preciso um lugar para armazenar tudo o que uma propriedade desse tamanho requer.


Muitas vezes, também é preciso fazer um hall ou um vestíbulo. Porque, você está no seu quintal e quer entrar em casa sem entrar direto em casa trazendo toda a sujeira do quintal. No apartamento, os próprio corredor e elevador, etc, já fazem esse trabalho de transição.

Falando em manutenção e sujeira, você muitas vezes precisa de uma área de serviço maior nas casas do que a área de serviço que você tem no apartamento. É super comum, mesmo em apartamentos enormes, que a área de serviço seja o finalzinho da cozinha. Com toda a manutenção que uma casa requer, normalmente precisamos de um espaço separado para podermos lidar com mais pano-de-chão, vassouras, rodos, tanque grande, etc.


Seguindo essa mesma linha, também tem um ambiente que muitas vezes é esquecido, que é o banheiro externo. Se na sua casa tem a piscina, tem a churrasqueira, tem um grande quintal para as crianças brincarem com os cachorros, se sujarem, ficarem bem sujas, é bom contar com aquele espacinho para o banho dessas criaturinhas, em vez de elas entrarem em casa sujando tudo.

 

Se você gostou dessas nossas explicações e nossas hipóteses, conte para nós nos comentários!


Comentarios

Obtuvo 0 de 5 estrellas.
Aún no hay calificaciones

Agrega una calificación

Fique por Dentro

Gratos!

bottom of page